"É a vida, mais que a morte, a que não tem limites."

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

ESTE BLOG ESTÁ DE LUTO PELA MORTE DE D. ZILDA ARNS

Tenho pouquíssimos ídolos. Na maioria, gente comum que fez a diferença na vida de pessoas comuns, ao agir de maneira incomum. Pessoas capazes de inspirar e multiplicar o bem, na mais ampla acepção da palavra. Betinho foi um deles. D. Zilda Arns, outra.
Brasileira incomparável, incansável em seu trabalho sério e exemplar à frente da Pastoral da Criança. Ressaltando que a Pastoral da Criança está acima e além de diferenças religiosas.

Falando sobre a mãe, Nelson Arns deu ao jornal "O Globo" uma declaração que, creio, resume quem foi D. Zilda Arns. Para ele, ela cumpriu sua missão e morreu fazendo o que gostava:

- Arriscaria dizer que, se ela soubesse que, indo para o Haiti, iria morrer,mas salvar vidas, ela iria.

A Pastoral da Criança precisa sempre de doações e voluntários, ajude:
Se tiver problemas de acesso, tente:
No susto do luto e na pressa da homenagem, faltaram-me palavras. Um amigo enviou-me o link de um texto que diz tudo o que eu gostaria de dizer sobre essa mulher de sorriso sempre aberto. Leiam o texto, no blog do Mario Viana, dramaturgo e roteirista:

Update:
Contei a história de Zilda Arns e da Pastoral da Criança para minha menina, e ela decidiu doar todo o dinheiro do seu cofrinho para a obra.


7 comentários:

Heloísa disse...

Nina,
O meu, também.
Aliás acabei de escrever sobre a morte e sobre a vida dessa mulher fantástica.
Beijo.

Nina disse...

Oi, Helô,

Fantástica mesmo, D.Zilda. Luto total.
Vou lá no seu blog ler o texto.

beijo

Diálogo de Pedras disse...

Uma das raríssimas pessoas admiradas no mundo todo. Ela sim fez de sua história o seu maior legado.

Silvinha disse...

nina, nao precisa aprovar esse coment nao. eu gostei do seu post e queria te falar que o mario do link é viana, nao prata. sei la, desculpe me intrometer...

Nina disse...

Roberto,

concordo!

bjo

Silvinha,

Obrigada! Já corrigi. Ato falho...!

bjo

Cristina João disse...

Olá passo sempre aqui, adoro esse cantinho e não podia deixar de dizer que concordo em grau, gênero e numero. Nossas crianças perderam um anjo da guarda, mas acredito que por ser uma fada, não morre, é encantada!
Beijos,
Cristina João
(www.recomadres.blogspot.com)

Nina disse...

Oi, Cristina,

Sim, D. Zilda com certeza continua ao lado de Deus, cuidando das crianças.
Obrigada pelas palavras, continue aparecendo por aqui!

beijo!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails