"É a vida, mais que a morte, a que não tem limites."

domingo, 8 de janeiro de 2012

JANEIRO, RIO (O ANEL DE MÖEBIUS)


Penso que criar memórias felizes é o melhor presente.
Logo após o Natal, fomos nós, novamente, para o Rio de Janeiro.  



Tenho sonhos recorrentes com casas cheias de passagens secretas e lugares obscuros, e com o mar. Então, onde melhor para estar do que à beira-mar no abraço que é a minha casa?...


Dias de amigos, de chuva, de sol. Ano Novo em que a festa e os fogos de artifício estavam dentro de mim. 



Dias de, mais uma vez, reescrever minha história. Não éramos só nós duas e os amigos. Ele também estava lá. Superando distância e limites, entre mares, bares e noites intermináveis, avançamos, recuamos, e fomos além. Entre as marés do nosso amor, permanecemos mar e oceano, mutantes, contudo invariáveis.



Minha menina solar é meu cais.




LinkWithin

Related Posts with Thumbnails